quarta-feira, 26 de novembro de 2008

Aquecimento global é culpado pela tragédia em Santa Catarina


Área alagada em Navegantes, SC. (Foto: Luciana Rossetto/G1)

Da UnB Agência:

[Desde o dia 22,] Santa Catarina sofre (...) com chuvas intensas. A água já matou mais de 79 pessoas e desalojou outras 54 mil. Em palestra no auditório da reitoria, o climatologista Carlos Nobre avaliou que a explicação para o estado de calamidade da região está no aquecimento global. “Isso é uma demonstração do que as mudanças climáticas são capazes, mesmo num estado como Santa Catarina com o melhor sistema de Defesa Civil do Brasil”, disse o especialista do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe).

Convidado do Seminário Franco-Brasileiro de Mudanças Climáticas, Nobre considera inegável que o homem esteja influenciando as variações de temperatura do planeta, e de “uma forma sem precedentes na nossa história”. Mais do que influir na amplitude das mudanças climáticas, o climatologista considera que o homem aumenta a velocidade do aquecimento pelo qual o mundo passa, e numa ordem de 50 a 100 vezes.

Nesse cenário catastrófico, o Brasil pode desempenhar um papel muito importante, apesar de estar numa posição vulnerável, de acordo com o especialista. “O Brasil ainda é um país em desenvolvimento e tem 50% de sua população abaixo da linha da pobreza, mas a redução de emissões no país não afetaria diretamente a sua economia”, disse.

1 comentário(s):

Vítor Carvalho Ferolla disse...

Como posso ter um bom fim de semana com um trabalho giganteeee de Matemática (e mt coisa eu nem sei como que faz) e ainda tendo que estudar para as 2 provas de Física (e mt coisa eu nem sei como que faz)...


=/